Thursday, March 23, 2017

#DicaPesquisa 67



Ao apresentar seu trabalho, não faça longas introduções e evite digressões porque o tempo é curto e não devemos invadir o espaço reservado para o próximo apresentador ou para o término da sessão. Vá logo ao ponto: objetivo(s), rápida contextualização da pesquisa, método(s) de investigação e resultados. Se não tiver resultados, você está no lugar errado. Fico aflita vendo o tempo passar e nada do apresentador falar da pesquisa. Aí alguém avisa que restam 5 minutos e é aquela correria, pula slides, fala correndo e o essencial fica sem a atenção merecida.  Quem nunca viu esse filme?
Amanhã falarei sobre os slides.

#DicaPesquisa 66

A dica de hoje, atende ao pedido de um amigo e vale para apresentação de trabalhos em eventos e para defesas. Por segurança, leve sua apresentação em 2 pen-drives e salve nas nuvens (ex. em sua conta de e-mail). Leve um apoio em papel. Chegue mais cedo e confira se está funcionando. No caso de uso de Skype ou outro tipo de tecnologia para transmissão à distância (webex, RNP), teste a conexão com antecedência.

Wednesday, March 22, 2017

#DicaPesquisa 65



Os eventos acadêmicos são momentos de aprendizagem e de muitas oportunidades de criação de redes acadêmicas. Por isso, não vá ao evento só para ouvir sua própria voz. Assista os outros trabalhos e se enriqueça com o que o congresso tem a te oferecer. Se você vai com patrocínio de sua escola ou de uma agência de fomento, lembre-se que a verba não foi destinada ao turismo. Deixe para fazer turismo nos horários que não coincidem com a programação do evento.

Tuesday, March 21, 2017

#DicaPesquisa 64

Hoje inicio uma série de dicas sobre participação em eventos.
Uma fase importante da pesquisa é a divulgação de resultados parciais ou finais em eventos acadêmicos. O público que vai te assistir merece respeito e espera que você tenha algum resultado de pesquisa para apresentar. Se você tem apenas um projeto, não se inscreva como apresentador. Congressos não são locais para apresentação de projetos e sim de divulgação de resultados.

Monday, March 20, 2017

#DicaPesquisa 63



Uma das coisas que me dá a maior aflição quando leio um trabalho é ficar procurando todos os itens prometidos. Por exemplo, o pesquisador escreve: “são 5 as características...”; “Fulano sugere 6 passos...”. O leitor grava o número e espera encontrar todos os itens e eles não aparecem. Sugiro que use numeração (1, 2, 3 ou a, b, c) toda vez que registrar a existência de número de itens. Isso ajuda o escritor na organização do texto e ao leitor no acompanhamento de sua argumentação.

Sunday, March 19, 2017

#DicaPesquisa 62



Sabe quando você quer usar uma imagem em seu trabalho, mas não tem a fonte? Use a busca reversa no Google para encontrá-la. Veja como fazer isso e outras dicas de busca de imagens em http://selectedreads.com/wp-content/uploads/2017/03/important-googl_20990643_af5c048c37f31c44e5ac71522c772cfdd9de14f3.pdf

Saturday, March 18, 2017

#DicaPesquisa 61



Quantidade não é sinônimo de qualidade. Teses e dissertações muito longas só servem para torturar os examinadores. Evite longas introduções, principalmente quando elas repetem o já dito exaustivamente e o lugar comum. Evite aquele discurso que defende a importância de X e Y com as mesmas frases feitas que estão por toda parte.